Beacon
Perguntas Frequentes

Dúvidas sobre nutrição celular

O que é nutrição celular?

A nutrição celular é uma forma avançada de nutrição que atua especialmente nas células, contribuindo para seu bom funcionamento e auxiliando na proteção contra os danos causados pelo aumento de radicais livres (estresse oxidativo).

Voltar ao Topo

O que são nutrientes com foco em ação celular?

Alguns nutrientes específicos atuam diretamente no metabolismo e funcionamento das células. Dentre eles, podemos destacar algumas vitaminas e minerais, como Vitaminas do complexo B, C, E e minerais Zinco e Selênio, que auxiliam na proteção dos danos causados pelos radicais livres, além dos aminoácidos Glicina e Cisteína. Esses aminoácidos fazem parte da composição da Glutationa, o antioxidante intracelular mais importante. Esse antioxidante, que promove a proteção, é produzido dentro das células a fim de que estas consigam realizar sua função adequadamente.

Voltar ao Topo

O que é GLINAC?

É uma combinação exclusiva e patenteada de Nestlé Health Science dos aminoácidos Glicina e N-acetil-Cisteina (NAC). Esses aminoácidos fazem parte da composição da Glutationa, o antioxidante natural mais importante no nosso organismo.

Voltar ao Topo

O que é Glutationa?

A Glutationa é o antioxidante intracelular mais abundante no corpo humano, que atua diretamente na proteção celular contra os danos do estresse oxidativo e radicais livres

Voltar ao Topo

Qual a relação entre a Glutationa e o envelhecimento?

Com o passar dos anos, a capacidade do nosso corpo de produzir Glutationa diminui, podendo reduzir seus níveis intracelulares em até 60%. Essa redução nos níveis de Glutationa ocorrem devido a uma menor quantidade dos aminoácidos que a compõem no organismo, como a glicina e cisteína.

A suplementação com aminoácidos que compõem a Glutationa pode ajudar o corpo a produzir mais Glutationa, reforçando sua proteção contra os danos do envelhecimento celular.

Voltar ao Topo

O que são radicais livres?

Radicais livres são moléculas instáveis, que em excesso, podem ser tóxicas ao nosso organismo, afetando a saúde das células.

Os radicais livres são produzidos normalmente pelo nosso corpo no processo de respiração celular, entretanto, nosso organismo possui um sistema de defesa antioxidante capaz de neutralizar essas moléculas. Em algumas condições, o corpo pode não conseguir neutralizar o excesso de radicais livres, levando a um estado que chamamos de estresse oxidativo.

Fatores externos que contribuem para formação de radicais livres:

- Poluição

- Tabagismo

- Consumo excessivo de álcool

- Estresse

- Alimentação inadequada

Voltar ao Topo

O que são antioxidantes?

Os antioxidantes são substâncias que produzimos ou consumimos que são capazes de neutralizar os radicais livres, estabilizando essas moléculas.

Nosso próprio organismo possui um sistema antioxidante muito efetivo, mas a alimentação tem um papel muito importante no quesito de fornecer os nutrientes necessários para a formação e eficácia desses antioxidantes.

Voltar ao Topo

Em quais situações o estresse oxidativo (acumulo de radicais livres) pode estar aumentado?

O acúmulo de radicais livres / estresse oxidativo está relacionado a várias doenças crônicas associadas ao envelhecimento, como doenças cardiovasculares, diabetes, hipertensão, síndrome metabólica, artrite reumatoide e doenças neurodegenerativas (como a doença de Alzheimer, por exemplo).

O uso de múltiplos medicamentos (polifarmácia) também é um fator que contribui para o aumento do estresse oxidativo e/ou maior exposição a toxinas em idosos e pessoas com condições crônicas.

Voltar ao Topo

  • Libras
  • Voz
Beacon